paola-brescianini

Conheça os riscos de fazer dieta por conta própria

Olá! É com muito prazer que estou aqui para o oitavo post de Dicas da Nutri. Mais uma vez agradeço muito a sua presença e atenção. Hoje o tema será sobre: “Riscos de fazer dieta por conta própria”. 

Tenho quase certeza que você já fez alguma maluquice por conta própria para tentar emagrecer ou ganhar massa muscular, não é mesmo? Acreditou nas cintas milagrosas, fez a dieta do abacaxi, da lua, da Beyoncé ou seguiu o treino de alguma famoso (a) que viu pela internet. Resultado: normalmente frustrante, eu sei! Essas alterações radicais sem prescrições adequadas podem colocar sua saúde em risco e trazer complicações piores do que o excesso de peso.

Nos dias atuais, para atingir os objetivos estéticos,  as pessoas são capazes de fazer literalmente tudo e para ontem. Entenda de uma vez por todas que imediatismo não combina com hábitos saudáveis. Hábitos são adquiridos por meio de muita persistência e dedicação!

Ao se tratar de alimentação falamos sobre individualidade. Nutrição é muito mais complexo do que imaginamos. É muito mais do que: “açúcar em excesso engorda”. Nutrição é qualidade de vida, é prevenção de doenças, é melhorar disposição, é EQUILÍBRIO. O nutricionista se baseia em respaldo cientifico, promove educação nutricional, ajusta corretamente os nutrientes necessários para garantir o bem estar físico, mental e social do paciente. Além disso, é muito importante um acompanhamento constante do seu planejamento alimentar e como seu corpo está reagindo para obter cada vez mais resultados positivos.

Ao fazer uma dieta por conta própria ou a dieta da revista que leu, você não leva em consideração nenhum dos importantes fatores em uma alimentação saudável, como os seus exames bioquímicos, sua idade, sua composição corporal, sua ingestão de vitaminas e nutrientes suficientes para sua sobrevivência, além da ingestão correta de calorias de acordo com o seu metabolismo.

Os principais riscos são: prejudicar a saúde, consequências das deficiências nutricionais como fraqueza, tontura, fadiga muscular, falta de sono, queda de cabelo, unhas quebradiças, flacidez, falta de disposição e rendimentos nas atividades rotineiras e, por fim, o mais famoso: EFEITO SANFONA.

E agora eu te pergunto, vale a pena deixar de investir em um bom profissional e na sua saúde?

Beijos da Nutri e até a próxima!

Jacqueline Hayar

Nutricionista apaixonada pela profissão e por atividade física. Graduada em Nutrição pelo Centro Universitário São Camilo. Pós graduação em Nutrição esportiva pela FAPES. Amo ensinar os pacientes como inserir em suas vidas hábitos saudáveis e transformar a maneira de lidar com a alimentação. CRN-3 N° 43936 / jacquelinehayar@hotmail.com / Insta: jachayar_nutricionista

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *