saudável_de_verdade_paola_brescianini

Obcecada x Saudável de Verdade

Durante muito tempo, eu fiquei obcecada com o meu corpo. Depois que emagreci os tão sonhados 10 quilos, acredito que o meu maior pesadelo era ganhar esse peso novamente. Então, me privei de muitos momentos e prazeres. E me achava saudável de verdade, mas no fundo detonava a minha saúde mental.

Consegui trabalhar isso dentro de mim e tenho cada vez mais encontrado o equilíbrio. Quer saber como faço isso? Vou te contar aqui!

Primeiro passo: identificar a obsessão

Se você perceber que não come absolutamente NADA sem ler os rótulos do alimento já é um alerta. Outra situação é deixar de sair e ter momentos únicos porque acredita que não pode comer nada. Além de viver se pesando e controlando cada coisa que come.

Para você ter noção, se tivesse um grão de arroz no meu prato eu tirava, pois aquilo era carboidrato e ia me engordar. SIM, é loucura, mas eu estava cega naquele momento.

Algumas pessoas me alertavam, e eu – infelizmente – ignorava. Então, procure ouvir mais quem te ama de verdade e se preocupa com você. É claro, sempre tem aqueles que gostam de cuidar da vida alheia e não acrescentam em nada, mas esses logo identificamos e relevamos, tá? hahaha.

Procurar ajuda de profissionais para ser saudável de verdade 

Quando conversamos com profissionais da área da saúde, ganhamos mais confiança e credibilidade. Afinal, eles sabem exatamente o que estão fazendo.

Convivi um tempo com uma excelente nutricionista e ela tirou de mim as crenças limitantes que tinha adquirido em relação a comida.

Fiz testes e percebi que era só controlar a quantidade do que comia para não engordar novamente. Lógico que eu não iria comer todos os dias “besteiras” em pequenas porções.

Eu aprendi que deveria sim comer legumes, vegetais, proteínas e carboidratos de qualidade, mas poderia me permitir comer o que sentia vontade de vez em quando, apenas não precisaria exagerar.

Portanto, se eu quisesse um bolo, era só comer uma fatia fina e não vários pedaços grossos como fazia antigamente. Isso ainda ajuda a controlar o exagero em outras refeições.

Passos essenciais para ter equilíbrio

  • Se exagerar em uma refeição, basta comer menos na outra. Nada de ficar sem comer por muito tempo, ok? Como disse, estômago vazio pode gerar compulsão alimentar;
  • Deu vontade de comer um docinho? Então, coma! Mas controle a quantidade! Saboreie devagar e aprecie o alimento de verdade;
  • Tem um evento especial em vista? Para aproveitar quando chegar a hora e não se privar, controle mais na alimentação nos dias anteriores. Dessa maneira, você poderá comer um pouco mais sem muita culpa;
  • Beba muita água! Isso oferece diversos benefícios ao corpo e é essencial a saúde. No entanto, além disso, ajuda a amenizar a fome;
  • Faça exercícios físicos regularmente. Se você não é muito fã de academia (como eu), procure alguma atividade que goste. Eu, por exemplo, coloco o FitDance no Youtube e danço uns 40 min por dia, para mim é prazeroso e ainda gasto umas boas calorias, rs.

Por fim, gostaria de ressaltar que, sim, engordei alguns (poucos, rs) quilos após trabalhar minha consciência, mas estou muito mais feliz agora.

Espero que minha experiência e minhas dicas tenham ajudado. Você também tem buscado o equilíbrio? Quer saber mais sobre esse assunto? Então, comenta aqui embaixo. ❤️

 

 

 

 

 

Paola Brescianini

Sou formada em Mídias Sociais Digitais e apaixonada por descobrir coisas novas. Há alguns anos, me tornei adepta à vida saudável, e aprendi incríveis informações sobre esse universo. Criei este espaço para compartilhar com você todo o meu conhecimento! ❤

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *